Outras Notícias

Veja os Comentários


20/10/2010-13:51:01
ISA Games
 

Texto: Chico Padilha

Peru faz boa recepção ao ISA Games

Palácio presidencial foi aberto aos participantes e ondas de qualidade estão a caminho dos Jogos Mundias de Surf


O Brasil já está completo no “Amarok da Volkswagen apresenta ISA Billabong World Surfing Games“, os Jogos Mundiais de Surf, que acontece em Lima, Peru, com a representação de trinta e sete países, entre eles o último campeão do milênio passado, o Brasil, que levou a melhor na edição em casa no ano de 2000 e busca seu segundo ouro coletivo no torneio anual da International Surfing Association (ISA),
Recebidos na “Casa de Pizarro”, o palácio presidencial, pelo presidente do Peru Alan Garcia, e tendo Fernando Aguerre, presidente da ISA, lido mensagem de Jacques Rogge, do Comitê Olímpico Internacional (COI), a cerimônia contou com a presença do lendário surfista peruano que, há quarenta e cinco anos, venceu ao Mundial, Felipe Pomar, compatriota de Sofia Mulanovich, peruana campeã da elite mundial e integrante da seleção peruana na competição.

Da delegação brasileira, a frente o presidente da Confederação Brasileira de Surf (CBS), Adalvo Argolo, apenas os campeões brasileiros Open, Estefani Freitas e Gutembergue Silva estiveram ausentes da cerimônia devido ao atraso na partida do vôo doméstico deles em Fortaleza, Ceará.

Mas a dupla de campeões brasileiros já chegou, enquanto as pranchas de Alan Johnes, convidado da seleção, ainda não.
A previsão é que uma grande ondulação está a caminho de Señoritas e Caballeros, as praias de Punta Hermosa que recebem as disputas em Lima, Peru.

No quarteto Open, será Peterson Crisanto, também da dupla convidada, quem vai defender primeiro ao Brasil já na segunda bateria da categoria, na quinze Gutembergue Silva, na dezenove o campeão brasileiro Júnior Filipe Toledo e na trigésima Alan Johnes, fechando a participação do Brasil, que tem no selecionado português Eduardo Fernandes, atleta de dupla nacionalidade que foi ao Mundial Júnior 2004 pelo Brasil.

Entre as mulheres, Silvana Lima, convidada escalada na bateria sete, vai ser a primeira das brasileiras, enquanto a nona tem Stefany Freitas estreando em seu segundo Jogos Mundiais consecutivo aos dezessete anos.

Nos pranchões do Longboard Rodrigo Sphyer, abre a exibição do Brasil na sétima bateria e a décima fecha com Jefson Silva, ambos convidados por bons resultados na modalidade.
“Depois da abertura a delegação brasileira de surf almoçou no centro de Lima e foram para os treinamentos em Señoritas e Caballeros“. disse Otoney Xavier que, a exemplo de Gabriel Macedo, é técnico do Brasil.

“Os equipamentos do Alan Jhones ( roupas e pranchas) não chegaram até o momento, a cia. TAM não passou para a Lan, assim como os cearenses Gutembergue Silva e Stefany Freitas que devido a atrasos nos vôos integram a delegação na madrugada do dia 20” disse Otoney.

A edição 2010 dos Jogos Mundiais de Surf, o “Amarok da Volkswagen apresenta ISA Billabong World Surfing Games“, pode ser acompanhada através do site www.isasurf.org.
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS