Outras Notícias

Veja os Comentários


02/07/2011-19:40:35
Long Bahia
 

Pena Bahia International Longboard Classic

Marcelo Freitas e Fernanda Daitchman vencem e largam na frente na corrida pelo título 2011.

Convidados comandam a festa em Itacimirim.

Atleta carioca, local da Praia da Macumba, Marcelo Freitas derrotou o paulista do Guarujá Danilo Rodrigo, o Mulinha, pelo apertado placar de 15.50 a 15.33, na decisão do Pena Bahia Longboard International Classic. O evento que reedita a etapa em Itacimirim e inaugura as ações da Associação Brasileira de Longboard foi finalizado com uma grande festa promovida pelos membros da entidade e pelo público que aplaudiu o show de surf dos melhores longboarders do país neste domingo, 03, nas boas ondas que quebraram durante todo o dia na belíssima praia baiana.

A primeira vítima do campeão foi o pernambucano Nascimento Rocan, até chegar ao lugar mais alto do pódio o atleta também passou pelas feras Rodrigo Sphaier, Picuruta Salazar e Wanderson Biludo. Na semi confirmou seu lugar no pódio em virada emocionante nos minutos finais em cima do André Luiz, o Deca, campeão brasileiro em 2010 que despachou o defensor do título Jefson Silva nas quartas, e que carrega ainda na bagagem o título sul-americano de 2009.

Ao final do evento Deca dividiu a terceira posição com o competente Carlos Bahia que venceu todos os confrontos que disputou em Itacimirim, mas acabou barrado pelo campeão Marcelo Freitas, dono de um surf moderno e agressivo, um dos poucos atletas a investir em manobras aéreas e que tem no currículo três títulos mundiais no Isa Games (2000/2002/2004).

“Estou muito feliz por estar de volta as competições e pegar onda que é o que amo fazer. Desde a primeira bateria só peguei os tops e fui passando um de cada vez, sempre com dificuldade, pois o nível aqui é muito alto, a nova geração está impressionando com um surf super moderno”, disse o campeão. “Na bateria final eu estava precisando de muita nota e sabia que tinha que fazer a diferença tentei ali o aéreo que é a manobra que mais gosto, não consegui fazer a nota, bati na trave, mas fiquei mais confiante e aí acabou que deu certo na última tentativa. Estou muito emocionado, esta vitória para mim é muito, muito importante, posso compará-la a todas as outras da minha carreira”, contou.

“Agradeço a Deus e dedico essa vitória ao meu pai e a toda a minha família. Quero parabenizar a ABL pelo excelente evento”, finalizou Marcelo Freitas que recebeu a premiação de 10 mil reais.

O vice-campeão Danilo Rodrigo também fez excelente campanha durante toda a prova, cometeu poucos erros, passou com facilidade por seus adversários e na final liderou o confronto até os instantes finais. Abriu sua apresentação com uma onda que lhe rendeu 6.83, depois fez mais 8.50 mesclando manobras clássicas e radicais, mas não obteve outra que lhe proporcionasse abrir uma vantagem maior em relação a Freitas. Com isto o carioca teve a chance de repetir o feito da semifinal e virar em cima dele para sair do mar com a taça de campeão do Pena Bahia International Longboard Classic e largar na frente na corrida pelo título brasileiro de 2011.

Revanche Feminina

A paranaense Fernanda Daitchman, vice-campeã brasileira em 2010 e vice também em Itacimirim no ano passado tendo sido barrada pela atual dona do título nacional Atalanta Batista (PE), levou a melhor desta vez. Fernanda começou bem a bateria e deixou Atalanta em segundo durante quase todo o tempo. Já no final a baiana Aline Chaves, campeã brasileira em 2009, pegou uma boa onda e virou em cima dela para assumir a liderança e conquistar o andar mais alto do pódio em casa. Porém teve o primeiro posto contestado após atitude considerada antidesportiva para alegria da paranaense que ficou com o caneco e embolsou a premiação de R$ 2.800,00.

“Gostaria de Agradecer ao Jaime Viudes que sempre me incentivou e me deu muita força para seguir nas competições. Também ao Geraldinho que apóia o surf feminino, está sempre colocando a categoria na competição mesmo com o pouco número de atletas, sem falar da premiação inédita que ele está proporcionando”, falou Fernanda. ”Estou extremamente feliz com essa vitória, só tenho que agradecer a todos”, completou.

Atalanta não encontrou as melhores valas para repetir a atuação do ano anterior e ficou com o troféu de terceira colocada na Bahia, mas promete dar trabalho em casa, aonde acontece à segunda parada do circuito.

Categorias Amadoras

Junior

Na categoria Junior o vice-campeão em 2010 foi quem obteve o melhor rendimento. O capixaba Felipe Lacerda, que representa a novíssima geração com um surf muito habilidoso e que também participou da categoria profissional, abriu melhor a briga e seguiu líder aumentando a vantagem, o paulista Jonas Walthers ainda surfou com muita vontade, mas não conseguiu superar o campeão que comemorou muito o resultado.

Adulto

Rogério Vasconcelos (BA) festejou o título na categoria adulto e recebeu muitos aplausos ao vencer a bateria sem tomar conhecimento dos adversários. Ele que também subiu ao pódio na master com a segunda posição fez a festa da torcida local.

Máster

Entre os masters o visitante paulista Paulo Giachetti que chegou a última bateria de maneira tímida, foi o autor da melhor nota da prova (9.50). O resultado foi alcançado após ele pegar uma boa onda e aproveitá-la muito bem com um longo hang five e uma batida explosiva na junção.

Super Máster

Na super máster sagrou-se campeão o carioca Adolfo Jordão que surfou muito à vontade e escolheu as melhores ondas para deixar o baiano Carlos Morais em segundo.

Ritual das águas



O ritual que tem origem havaiana e foi realizado pela primeira vez no Brasil é mais um marco da Associação Brasileira de Longboard. Atletas de vários lugares do país levaram para Itacimirim um pouco da água do mar de seu pico de origem que foram misturadas formando uma só que benzeu os participantes. Na mesma ocasião, a empresa Pena que vem investindo forte no longboard, representada por umas de suas proprietárias Brígida Frazão, foi simbolicamente nomeada membro da ABL.

A arena do Pena International Longboard Classic vai desembarcar no próximo final de semana de 8 a 10 em outro paraíso nordestino, a Praia do Cupe, em Ipojuca (PE).

O Pena Bahia International Longboard Classic tem o patrocínio da marca cearense Pena, Prefeitura de Camaçari, Secretaria de Turismo da Bahia, Power Balance, Aleluia, Teccel, Projeto Tamar, divulgação dos canais ESPN e Woohoo, sites Cearasurf, Surfbahia e Waves, revista Fluir e rádio Transamérica FM. Realização Associação Brasileira de Longboard – ABL, Associação Nordestina de Surf – ANS e Federação baiana de surf – Fbsurf.

Resultados Pena Bahia International Longboard Classic 2011:

Masculino Profissional

1º Marcelo Freitas (RJ) 15,50

2º Danilo Rodrigo (SP) 15,33

3º Carlos Bahia (SP) 10,43

3º André Luis (RJ) 12,00

Feminino Profissional

1º Fernanda Daitchman (PR) 11,26

2º Aline Chaves (BA) 9,40

3º Atalanta Batista (PE) 7,60

4º Thiara Mandeli (PR) 6,50





Júnior

1º Felipe Lacerda (ES) 14,40

2º Jonas Walthers (SP) 10,14

3º Nadab (BA) 7,07

4º Victor Maltez (BA) 2,47

Master

1º Paulo Giachetti (SP) 14.17

2º RV (BA) 12.16

3º Sol Angel (RJ) 11.90

4º Rafael Aguiar (PE) 10.93

Super Master

1º Adolfo Jordão (RJ) 14.33

2º Carlos Morais (BA) 8.00

3º Mauro Raposo (SP) 6.86

4º Rei da Praia (BA) 6.84

Adulto

1º RV (BA) 14.43

2º Robson Fraga (SE) 10.80

3º Vinicius Cardoso (BA) 10.20

4º Geraldo Lemos (RJ) 8.96



Gratos desde já pela divulgação,




--
Att.,

Comunicando Surf – Assessoria de Comunicação / comunicandosurf@gmail.com
Jocildo Andrade – 85 9953-1008
Kelen Tostes – 85 8878-2811
Vanessa Vasconcelos – 85 9997-0417
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS