Outras Notícias

Veja os Comentários


25/01/2013-15:11:56
Brasileiro MASTER
 

Foto: Francisco Chagas

Club Social Surf volta a Praia do Futuro com Master Brasileiro CBS

Além de ídolos competindo em Fortaleza, Ceará, entre atrações extras surf noturno com quarteto no sábado


Clique aqui para acompahar o evento ao vivo, ver as baterias, cronograma:www.surfbyte.com.br/aovivo




Novos nomes podem começar 2013 largando a frente no Brasileiro CBS Masters no Circuito Club Social Surf, neste sábado e domingo na Praia do Futuro, Fortaleza, Ceará, anfitrião que terá número recorde de participantes capitaneados por Fábio Silva, que em 2000 garantiu o segundo título brasileiro absoluto (Open) no Mundial da International Surfing Association (ISA), igualando o feito inédito de outro surfista confirmado na prova, o paraibano Fábio Gouveia, melhor do Mundial ISA em 1988, também membro da galeria de campeões do Qualifying Mundial de Surf (WQS) que tem como primeiro bicampeão o catarinense Flávio Teco Padaratz, que vai estrear na Grand Master do Club Social Surf antes de realizar apresentação com sua banda, atração musical do sábado na Praia do Futuro.

Renovando
O surf se renova sempre, inclusive com manobras cada vez mais ousadas e também em seus campeões, o que não é exceção nas divisões que envolvem os de carreira vitoriosa e que continuam “arrepiando”, a exemplo dos atuais melhores do Brasil, o paraibano novidade na Master 2012 Saulo Carvalho, o catarinense Roni Ronaldo e o carioca Arthur Gama na Grand Master, Cláudio Marroquim, pernambucano campeão brasileiro Kahuna, e Mickey Hoffman, que levou o título Grand Kahuna para Santa Catarina, categorias que gradativamente exigem cinco anos a mais a partir dos mínimos trinta e cinco no ano anterior, para os da Master, idade mínima nacional e mundial, não havendo restrição a que os atletas de divisões acima dela também disputem entre os mais novos, razão pela qual o agora Grand Master Teco pode ser um dos desafiantes na categoria Master, vencida por ele na mesma praia quando da abertura 2010.



Saulo, maior média
E sabe muito bem que terá novos e antigos rivais do atual campeão brasileiro master Saulo Carvalho, recordista de 2012 com a média 19,76 (Soma de notas 9,93 com 9,83 pontos) na bateria final da etapa de Itacimirim, Bahia, quando foi aplaudido até mesmo por muitos dos surfistas a quem vencera rumo a vitória e ponta do ranking, que permaneceria sua mesmo quando o potiguar Joca Júnior faturou a terceira e última etapa, antes Joca foi barrado nas semifinais da Grand Master em que os campeões Arthur Gama e Roni Ronaldo garantiram primeiro e segundo lugares como último pódio do ano passado.

Na Kahuna, o campeão acima de quarenta e cinco anos de 2012 Cláudio Marroquim terminou a temporada vendo seu título carimbado por seu vice Cardoso Júnior do Ceará, ambos sempre consistentes e que inverteram as colocações na decisiva etapa na terra de altos coqueiros e do melhor Kahuna do Brasil: Pernambuco dos irmãos Marroquim, ídolos e referência de várias gerações, a exemplo da que faz parte Carlos Burle, consagrado campeão mundial de ondas grandes.


Mickey, maior acumulado
Na Grand Kahuna, Mickey Hoffman só não voltou a Santa Catarina com troféu de primeiro em etapa 2012 quando competiu a última final na condição de maior acumulador de pontos da temporada, e os garantiu com sobra ao ser segundo nela e estender a 2900 o total acumulado em três resultados, sendo seu também os únicos 2000 pontos somando-se apenas as duas melhores colocações, no caso dele duas vitórias antes que o potiguar Eduardo Elias carimbasse sua faixa e entrasse seriamente na disputa por vaga ao ISA Mundial Master, no qual ambos querem estrear e o surfista entre eles no ranking, o cearense vice campeão Grand Kahuna Odalto Castro, pretende voltar a se destacar, disputa acirrada por vir a ser o cinquentão da seleção do Brasil e de muitos títulos e pioneirismo, Odalto por exemplo foi o primeiro brasileiro a ser capa de uma revista internacional de surf, e logo na temida onda havaiana de Pipeline, na qual vale muito algo que a ele e outros mestres não falta: experiência.

Surf Noturno em pranchas com LED
Foi um sucesso em Pernambuco a primeira exibição pública de surf noturno usando pranchas com luzes de LED, novidade vinda da Espanha direto para o Circuito Club Social Surf no qual vem fazendo grande sucesso e deve ter público ainda maior na capital cearense, a primeira metrópole a receber a novidade em suas ondas.

“Club Social veio com um diferencial na modalidade no Brasil, e fez a diferença nos últimos anos como novidade no esporte através do Surf noturno. Temos hoje o primeiro Brasileiro campeão de “Surf Noturno”, o paraibano Fininho (José Francisco Neto), que honra muito essa iniciativa Club Social junto ao Surf nacional”, afirma Juliano Rodrigues, gerente de marketing da Club Social.

Campeões mundiais e o recordista
Uma coletiva para a imprensa realizou-se quinta-feira na Barraca Guarderia Brasil, na ocasião, além de dirigentes da Club Social, Geraldo Cavalcanti, presidente da Associação Nordestina e Romero Jucá e Amélio Júnior, da Federação Cearense de Surf, anunciaram oficialmente a presença dos campeões mundiais Flávio Padaratz (Primeiro do World Qualifying em 1992 e 1999) e Fábio Silva (ISA Open 2000) também na bateria de exibição com pranchas de LED.

Dos quatro surfistas que se exibirão hoje a noite, a partir das 19:00 horas, um deles se define nas disputas do dia, e será, entre todos competidores do sábado, aquele que protagonizar a competição atingindo a melhor nota do primeiro dia, quem sabe uma perfeita nota dez, escore que a grande maioria já possui no seu histórico e vai tentar repetir com a motivação extra, e inédita, para Masters.

O Circuito Club Social de Surf, na sua etapa Ceará é abertura do Brasileiro Master CBS com transmissão dias 26 e 27 de janeiro pelo www.surfbyte.com.br/aovivo , da Praia do Futuro, Fortaleza, patrocínio Club Social, com Rotator Surf, blocos Teccel, Guarderia Brasil, Asup-CE, Prefeitura de Fortaleza e Governo do Estado do Ceará, realização FCS, ANS e CBS, www.cbsurf.com.br.


Por Chico Padilha
chpadilha@gmail.com/ 84 99913158
Assessoria para Confederação Brasileira de Surf (CBS)
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS