Outras Notícias

Veja os Comentários


13/05/2013-16:11:05
CYCLONE BALI
 

Texto: Chico Padilha

Ipojuca recebe esta semana Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013

Borete recebe segunda etapa de Pernambucano com dez mil reais para profissionais



O Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013, com disputas profissionais e amadoras, tem sua etapa dois esse final de semana, 25 e 26 de maio, em Borete, Porto de Galinhas, Ipojuca, Pernambuco.

E se na abertura fez parte do Noronha Surf Festival agora o evento no litoral sul pernambucano integra o “Porto de Galinhas Surf Festival” cujas disputas de surfe acontecem a partir deste sábado e será em dois finais de semana consecutivos em ondas ipojucanas.

Na profissional o foco dos atletas do estado está voltado para vencer e assim superar o melhor resultado pernambucano na abertura: o quarto lugar de Franklin Serpa, olindense radicado na Bahia, e o de Patrick Tamberg, morador da ilha quinto do ranking estadual do qual Cesar Aguiar, o Molusco, é o atual campeão estadual profissional (2012),enquanto entre os mais novos do Cyclone/Bali Pernambucano venceu triplamente Thiago Silva, primeiro na Open e nas abaixo Sub- 16 e 18.

É justamente Cesar Aguiar quem tem o melhor resultado estadual recente ao ser terceiro no fechamento da temporada passada em Ipojuca, palco da etapa final vencida por um atleta da nova geração: Elivelton Santos, da Paraíba, presença confirmada nas disputas.

Vencedores
Este ano Thalis Luís entre os Open (Aberta) e Douglas “Dodô” José, na Mirim (Sub 16), deixaram em Ipojuca os títulos dessas divisões de base na etapa de abertura do Brasileiro de Seleções que Maracaípe em janeiro recebeu e Pernambuco venceu.

Em Fernando de Noronha, na abertura do Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013, o ainda mirim Dodô faturou a Júnior (Sub 18), Washington Martins foi o melhor da Sênior (28 anos mínimos) e Reginaldo Nascimento dos pranchões do Longboard, enquanto a dupla de noronhenses Caia Souza e Nego Noronha venceu respectivamente Master (Mais de 35) e Open no Estadual que este fim de semana prossegue no Borete, em Porto de Galinhas

Gabriel Farias, campeão brasileiro Sub 18, retornou de temporada na Austrália e já somou na seleção pernambucana que competiu na primeira sequência do Brasileiro CBS em Salvador, Bahia, mas será no Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013 seu retorno as competições no estado, justamente onde morando aprendeu a surfar e disputará também à Profissional.

A concorrência será literalmente fantástica, pois inclui um grupo de surfistas radicado em Ipojuca e denominado “Quinteto Fantástico”, no qual se inclui o campeão estadual César Aguiar, o melhor do Nordestino Profissional Halley Batista, o competitivo Alan Donato e os mais jovens Luel Felipe e Júnior Lagosta, todos que almejam a fatia maior dos dez mil reais que novamente se distribuirá no concorrida etapa do estadual que largou com vitória paulista de Saulo Júnior e segundo lugar do atual líder do Brasileiro Bruno Santos, do Rio de Janeiro.

Primeiro
Com torcida maior e retrospectiva favorável, os pernambucanos são favoritos e maioria, mas receberão surfistas de muitos outros estados em todas as divisões amadoras e na Profissional, categoria cuja disputa se repetirá na última sexta-feira do mês no litoral de Ipojuca, onde a seguir acontece na Praia do Cupe à etapa inaugural do Nordestino de Surf Profissional, garantindo assim Pernambuco ter aberto este ano tanto ao Brasileiro de Seleções CBS (Janeiro em Maracaípe, Ipojuca), quanto ao Brasileiro Profissional, (Fevereiro em Fernando de Noronha), além de, dia 31, também vir a ser aberto em ondas pernambucanas o Regional de Surf Profissional o circuito ANS Tour, que a exemplo do Pernambucano é atração nacional da temporada em Porto de Galinhas.

Pernambuco, através do Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013 também foi primeiro a distribuir premiação profissional de Estadual no ano em que já faz segunda etapa esse fim de semana de abertura do Porto de Galinhas Surf Festival.

O Cyclone/Bali de Surf Pernambucano 2013, em sua segunda etapa dias 25 e 26 de maio, têm Profissional e disputas de base a partir da Petit, para os menores de dez anos, até a Master, onde os com trinta e cinco anos acima competem no Borete, Porto de Galinhas, Ipojuca, Pernambuco, tendo copatrocínio da Prefeitura de Ipojuca, Governo de Pernambuco/Secretaria dos Esportes, com pranchas +Surf, blocos Teccel, divulgação Transamérica 92,7, Cobertura Canais ESPN e Woohoo sendo realização Associação Nordestina de Surf (ANS) com Federação Pernambucana de Surf (FESURFPE).

RANKING PÓS RESULTADOS DA ETAPA I CIRCUITO CYCLONE / BALI PERNAMBUCANO DE SURF 2013:

TOP-16 DA CATEGORIA PRO/AM:
1.o: Saulo Junior (SP) – 1.000 pontos
2.o: Bruno Santos (RJ) – 860
3.o: Leonardo Neves (RJ) – 730
4.o: Franklin Serpa (PE/BA) – 670
5.o: Patrick Tamberg (FNPE) – 610
5.o: Hizunomê Bettero (SP) – 610
7.o: Paulo Moura (PE) – 555
7.o: Moisés Martins (FN) – 555
7.o: Raphael Seixas (PB) – 555
10: Halley Batista (PE) – 488
10: Nego Noronha (FN) – 488
10: Dunga Neto (CE) – 488
13: Alan Donato (PE) – 450
13: Erbeliel Andrade (PB) – 450
13: Samuel Igo (PB) – 450
13: Wilson Nora (BA) – 450
13: Alan Jhones (RN) – 450
13: Felipe Martins (CE) – 450

AMADOR OPEN (sem limite de idade):
1.o: Nego Noronha (FNPE) – 1.000
2.o: Artur Vilar (PB) – 900
3.o: Ivan Silva (PE) – 810
4.o: Caia Souza (FNPE) – 729
5.o: Moisés Martins (FN) – 656
5.o: Felipe Queiroz (PE) – 656
7.o: Thiago Silva (PE) – 531
7.o: Marlos Amarante (FN) – 531
9.o: Washington Martins (PE) – 430
9.o: Carlos Pito (PE) – 430
9.o: Adailton (FN) – 430
9.o: Kaique Pimentel (FN) – 430
13: José Vinicius (PE) – 282
13: Junior Chalaça (PE) – 282
13: Caio Souza (FN) – 282
13: Mudinho (FN) – 282

JUNIOR (até 17 anos de idade):
1.o: Douglas José (PE) – 1.000 pontos
2.o: Ivan Silva (PE) – 900
3.o: Rafael Venuto (CE) – 810
4.o: Thiago Silva (PE) – 729
5.o: Arthur Andrade (PE) – 656
5.o: José Vinicius (PE) – 656
7.o: Lucas Dantas (PE) – 531
7.o: Junior Chalaça (PE) – 531
7.o: Caio Souza (FN) – 531
10: Brayner Alves (PE) – 387
10: Moisés Martins (FN) – 387

MIRIM (até 15 anos de idade):
1.o: Rafael Venuto (CE) – 1.000 pontos
2.o: Douglas José (PE) – 900
3.o: André Labanca (PE) – 810
4.o: Juca Luna (RN) – 729
5.o: Tarcísio William (PE) – 656
5.o: Brayner Alves (FN) – 656

FEMININO (sem limite de idade):
1.a: Larissa dos Santos (CE) – 1.000 pontos
2.a: Maitê Ortença (FN) – 900
3.a: Luana Pini (FN) – 810
4.a: Joyce Cruz (FN) – 729

SENIOR (28 anos ou mais de idade):
1.o: Washington Martins (PE) – 1.000
2.o: Carlos Pito (PE) – 900
3.o: Fernando Santos (PE) – 810
4.o: Euler Frazão (CE) – 729
5.o: Iraí Rodrigues (PE) – 656
5.o: Montanha (PE) – 656
7.o: Lima Junior (CE) – 531
7.o: Leandro Cação (RN) – 531

MASTER (35 anos ou mais de idade):
1.o: Caia Souza (FN) – 1.000 pontos
2.o: Fabio Quencas (PE) – 900
3.o: Nego Noronha (FN) – 810
4.o: Carlos Pito (PE) – 729
5.o: Montanha (PE) – 656
5.o: Guga Soares (PE) – 656
7.o: Fernando Santos (PE) – 531
7.o: Dudu Garunti (PE) – 531
7.o: Lima Junior (CE) – 531
10: Armandinho (PE) – 387

LONGBOARD PRO/AM:
1.o: Reginaldo Nascimento (PE) – 1.000 pontos
2.o: Rogerio Vasconcelos (BA) – 900
3.o: Rafael Cavalcanti (PE) – 810
4.o: Halley Batista (PE) – 729
5.o: Carlão Silveira (PE) – 656
5.o: Nininho Noronha (FN) – 656
7.o: Nascimento (PE) – 531
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS