Outras Notícias

Veja os Comentários


12/06/2014-08:32:15
ASP South America
 

Foto: André França (VidaSurf)

ASP South America prepara super calendário para o segundo semestre

São Paulo Prime em São Sebastião (SP) e Red Nose Pro Junior em Baía Formosa (RN) são as duas estreias já confirmadas pela ASP no Brasil para depois da Copa do Mundo de Futebol

A ASP South America já tem seis etapas confirmadas e mais três com datas agendadas para também entrar no calendário de eventos do segundo semestre de 2014. São provas da categoria Pro Junior e do ASP Qualifying Series masculino e feminino, com destaque para a estreia do São Paulo Prime nos dias 3 a 9 de novembro na Praia de Maresias, em São Sebastião, no litoral norte paulista. A outra novidade confirmada no Brasil é o Red Nose Pro Junior no Pontal de Baía Formosa, de 8 a 10 de agosto no litoral sul do Rio Grande do Norte. Além dessa, tem mais duas seletivas sul-americanas para o Mundial Pro Junior da ASP garantidas no Peru. E no Chile serão realizadas duas etapas do ASP Qualifying Series, sendo uma masculina e uma feminina.

O Peru vem aumentando o número de etapas do Circuito Mundial da ASP a cada ano e nesta temporada já sediou o tradicional Huanchaco Longboard Pro decidindo o título sul-americano dos pranchões em Trujillo e o Rip Curl Girls Pro válido pelo ASP 4-Star feminino em San Bartolo, na capital Lima. Além disso, o país andino está se tornando o principal palco da América do Sul para os surfistas com até 20 anos de idade que competem na categoria Pro Junior.

E será também em San Bartolo o primeiro evento confirmado no continente para depois da Copa do Mundo de Futebol no Brasil, o Powerade Pro Junior Damas só para as meninas nos dias 19 a 20 de julho. Já a outra seletiva do ASP South America Pro Junior Series que vai estrear no Peru esse ano é o Chicama Pro Junior Classic para as categorias masculina e feminina nos dias 16 a 20 de setembro em Puerto Chicama.

NA MESMA SEMANA - No Brasil e no Chile, os eventos da ASP no segundo semestre vão começar na mesma segunda semana de agosto. O ASP 3-Star Maui and Sons Arica Pro que tradicionalmente acontecia no mês de junho no Chile, neste ano foi adiado para 4 a 9 de agosto. E para aproveitar as boas ondas da lua cheia no Pontal de Baía Formosa, a estreia do Red Nose Pro Junior teve que ser marcada nos dias 8 a 10 também de agosto.

Então, na mesma semana, enquanto a nova geração do surfe sul-americano compete no litoral sul do Rio Grande do Norte no Brasil, os mais experientes participam do Desafio de Arica nos tubos perigosos de El Gringo, no norte do Chile. Também no Chile será encerrado o calendário 2014 da ASP South America, com uma novidade no ASP Qualifying Series feminino nas ondas igualmente grandes e difíceis de Punta de Lobos, em Pichilemu.

O Maui Women´s Pro vai estrear nos dias 13 a 16 de novembro, na semana seguinte a do São Paulo Prime na Praia de Maresias, em São Sebastião. No litoral norte paulista será disputada a última prova do ASP World Prime antes das duas que vão fechar o ASP Qualifying Series 2014 no Havaí. Estas etapas de 6.500 pontos são decisivas na briga pelas dez vagas para a elite dos top-34 do Samsung Galaxy ASP World Championship Tour.

PERNA BRASILEIRA DE FIM DE ANO - A ASP South America ainda trabalha para resgatar a antiga "perna brasileira de fim de ano" que percorria vários estados, do Sul ao Nordeste do país. Era sempre a última parada antes do encerramento da temporada na Tríplice Coroa Havaiana. A tentativa do escritório regional da ASP na América do Sul é realizar três etapas seguidas, com as outras duas antecedendo ao São Paulo Prime para as categorias masculina e feminina do ASP Qualifying Series.

A primeira delas seria em Santa Catarina, com a Federação Catarinense de Surf (FECASURF) buscando recolocar a cidade de Florianópolis no calendário mundial com uma nova etapa de nível máximo 6 estrelas para os homens e mulheres promovido pelo Costão do Santinho Resort. Se for confirmada, ela vai abrir a "perna brasileira de fim de ano" nos dias 20 a 26 de outubro na Praia do Santinho, no extremo norte da Ilha da Magia.

De Santa Catarina, todos partiriam para o litoral sul da Bahia, com a Dendê Produções tentando aumentar a importância do Mahalo Surf Eco Festival, elevando o status do evento de 4 para 5 estrelas e ainda incluindo a categoria feminina que não foi realizada no ano passado. O palco deve ser o mesmo, a Praia da Tiririca em Itacaré, de 27 de outubro a 1.o de novembro. Depois, vem o São Paulo Prime de 3 a 9 de novembro fechando a passagem do Circuito Mundial da ASP pelo Brasil esse ano na Praia de Maresias, na casa do fenômeno Gabriel Medina em São Sebastião.

TÍTULOS SUL-AMERICANOS - Os eventos organizados pela ASP South America também decidem os títulos sul-americanos masculino e feminino de surfe profissional, do Pro Junior e do Longboard. Os dos pranchões já foram definidos no Huanchaco Longboard Pro do Peru, com o peruano Piccolo Clemente e a brasileira Atalanta Batista sagrando-se como primeiros campeões continentais da temporada 2014. Para a disputa do título profissional de pranchas normais, a ASP South America implantou uma nova regra de que todas as etapas valem 1.000 pontos no ranking sul-americano, independente da premiação oferecida e do status do evento, se é nível 3, 4, 5, 6 estrelas ou Prime.

Com a vitória no ASP 3-Star Rip Curl Pro da Argentina em Mar del Plata e o nono lugar no Quiksilver Saquarema Prime, o brasileiro Alex Ribeiro lidera a corrida pelo título sul-americano com 1.316 pontos. A próxima parada é em Arica no Chile e já está certo que o ranking será encerrado no São Paulo Prime. Mas, outras três etapas ainda podem ser confirmadas, as duas que completariam a "perna brasileira de fim de ano" em Florianópolis (SC) e Itacaré (BA), além de uma nova no Equador, que tem uma data agendada para realizar uma etapa do ASP 4-Star masculina e feminina nos dias 9 a 14 de setembro em Canoa.

Na briga pelo caneco feminino também será utilizada a regra dos 1.000 pontos para todas as etapas e a peruana Sofia Mulanovich, campeã mundial como seu compatriota Piccolo Clemente no Longboard, largou na frente com a vitória sobre Anali Gomez no ASP 4-Star Rip Curl Women´s Pro San Bartolo, vingando a derrota sofrida nesta mesma final peruana do ano passado. Esta foi a única prova feminina em 2013, mas neste ano tem mais uma garantida no Chile e podem ter mais três como no masculino, a do Equador se for confirmada e as duas da "perna brasileira" em Santa Catarina e na Bahia.

———————————————————————————-
Texto de João Carvalho - Assessoria de Imprensa da ASP South America
(48) 9988-2986 - jcarvalho@aspworldtour.com
———————————————————————————-

CALENDÁRIO DA ASP SOUTH AMERICA PARA O SEGUNDO SEMESTRE DE 2014:
Jul 19-20: Pro Junior 1 Star Feminino - Powerade Pro Junior Damas em San Bartolo - PERU
Ago 04-09: ASP QS 3-Star Masculino - Maui and Sons Arica Pro em El Gringo, Arica - CHILE
Ago 08-10: Pro Junior 2 Star Mas+Fem - Red Nose Pro Junior no Pontal de Baia Formosa (RN) - BRASIL
Set 16-20: Pro Junior 2 Star Mas+Fem - Chicama Pro Junior Classic em Puerto Chicama - PERU
Nov 03-09: ASP QS Prime - São Paulo Prime na Praia de Maresias, São Sebastião (SP) - BRASIL
Nov 13-16: ASP QS 3-Star Feminino - Maui Women´s Pro em Punta de Lobos, Pichilemu - CHILE

ETAPAS A SEREM CONFIRMADAS:
Set 09-14: ASP QS 4-Star Mas+Fem em Canoa - EQUADOR
Out 20-26: ASP QS 6-Star Mas+Fem na Praia do Santinho, em Florianópolis (SC) - BRASIL
Out 27-01: ASP QS 5-Star Mas+Fem - Mahalo Surf Eco Festival na Praia da Tiririca, Itacaré (BA) - BRASIL
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS