Outras Notícias

Veja os Comentários


24/04/2005-16:54:57
Brasileirão 2005
 

Domingo, acompanhando de casa nossos ídolos pela televisão, a galera marcando um local para se reunir em frente a TV... Calma, não estamos falando de futebol.
O que parceria um sonho distante tornou-se realidade. Pela primeira vez uma bateria de surf nacional foi transmitida ao vivo pela televisão. Tudo bem que não foi num canal aberto, mas uma coisa de cada vez.
A primeira etapa do “brasileirão” de Surf 2005 teve sua transmissão ao vivo desde o primeiro dia de competição. Alternando entre baterias, entrevistas e histórias do surf, o canal por assinatura SPORTV deixou sua marca neste final de semana ao transmitir durante todos os 30 minutos de duração as finais das categorias FEMININO e MASCULINO.
A torcida para que fizesse sol, tivesse pelo menos ondas “surfáveis” e algum surfista de renome foi atendida. A praia do Rosa em Imbituba (SC) recebeu um bom público com ondas de bom tamanho durante o evento caindo e ficando mexido nas finais.
Os nordestinos largaram na frente neste que promete ser o melhor e mais disputado Campeonato Brasileiro de Surf Profissional. Fabio Gouveia (PB) e Silvana Lima (CE) venceram suas finais contra Beto Fernandes (SP) e Andréa Lopes (RJ) respectivamente.
A maior prova que o público aprova tal iniciativa da TV e promete dar audiência foi o MAR DO MACACO em J. Pessoa, desde sábado a galera do surf se reunia no bar do Valdir para acompanhar as baterias de Jano Belo e Fábio Gouveia. Não foi diferente neste domingo durante a grande final, local citado, inclusive, por Marcelo Andrade (ABRASP) durante a transmissão da TV. Fico imaginando a festa que foi feita por Chico Padilha, Palitot, Tadeu e companhia quando "Fabuloso" saiu do mar vencedor.
A potiguar Alcione Silva foi eliminada nas quartas-de-finais pela tri-campeã brasileira e vice na etapa Andréa Lopes.
O canal SPORTV não para por aí e promete transmitir ao vivo a próxima etapa do MUNDIAL direto do TAHITI, o Billabong PRO previsto para o dia 5 de maio. É aguardar e vê como será isto, já que o evento com uma “janela” de espera de 12 dias (5 a 17 de maio) pode começar a qualquer dia e hora deste intervalo dependendo das condições.

SURFBYTE
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS