Outras Notícias

Veja os Comentários


30/06/2005-22:29:26
Paraibano 2005
 

Smolder Classic , segunda etapa do Mix Fm +surf , acaba com jejum profissional de dez anos em Intermares

Foram poucos os eventos profissionais realizados nas ondas paraibanas ao longo dos últimos dez anos, e na grande João Pessoa, neste período, não houve nenhum, com a última competição profissional em praia urbana tendo acontecido no Mar do Macaco, Intermares, Cabedelo, no mês de maio de 1995, com a vitória de Fábio Gouveia em acirrada disputa com o saudoso Gustavo Aguiar, pernambucano que faleceu pouco depois vitíma de acidente em Recife, no dia em que vencera a etapa de abertura do circuito de seu estado em Porto de Galinhas, no litoral sul de Pernambuco.
A expectativa é que a volta do profissional, a partir deste próximo dia oito de julho, ás ondas do mar do macaco seja brindada com ondas tão boas quanto ás que se fizeram presentes na etapa inaugural da categoria em ondas paraibanas realizada no ano de noventa, quando então o primeiro evento profissional do estado foi vencido pelo ainda amador Otávio Lima, o Tavinho,que na semifinal havia eliminado o conterrâneo Fábio Gouveia, já a epóca o brasileiro melhor colocado no circuito mundial da categoria.
Otávio Lima é nome confirmado na etapa "Smolder Classic" que será a segunda do Paraibano "Mix FM+surf", diferente daquela etapa de quinze anos atrás, ele hoje é um atleta experiente e de currículo vitorioso, tendo por duas ocasiões vencido, no Uruguai, etapas da divisão de acesso mundial (WQS), e sendo um dos três surfistas brasileiros que ganharam, em Imbituba, Santa Catarina, etapas da divisão de elite brasileira,o SuperSurf, os outros dois a vencerem em Imbituba foram o catarinense Teco Padaratz, campeão em 2000, e o conterrâneo Fábio Gouveia, mais recente vencedor quando então a temporada 2005 se iniciou com sua liderança.
No "Mix FM +surf" a liderança inicial entre os profissionais é do sergipano Valmir Neto, que nas boas ondas de Praia Bela superou ao pernambucano Alan Donato nos segundos finais, a retrospectiva de Valmir Neto em Intermares, tem um segundo lugar em etapa do Nordestino Amador a alguns anos, quando então a vitória lhe escapou nos últimos segundos, Valmir Neto ainda disputa como amador e lidera o circuito regional com segundo e quarto lugares, com certeza uma nova vitória no Paraibano Mix FM +surf, agora na badalada Intermares, lhe deixaria em paz com as ondas do Mar do Macaco.
Quem também está confiante é o vice-líder Alan Donato, afinal ele, jovem profissional, tem vitória amadora júnior nas ondas de Intermares, bairro de Cabedelo onde o "verdadeiro Donato", como ele se refere ao pai, mora e torce pelo seu sucesso, em especial agora que Alan Donato optou pela profissionalização e competirá contando com sua presença na torcida.
Divisões amadoras disputadas
São muitas as divisões amadoras, três delas sem limite de idade, duas na Open, que tem versões masculina e feminina, e o longboard, que exige os chamados pranchões, com tamanho igual ou superior a nove pés, cerca de três metros, e maior largura e espessura, neste Johnson Jacques, é o atual campeão paraibano e líder do Mix FM +surf, invicto nas ondas de etapas estaduais desde sua estréia na categoria ano passado.
Na Open o campeão é o júnior Yure Nogueira, de Cabedelo, mas é o sergipano Valmir Neto quem lidera a temporada seguido pelo pessoense Carlos Wendell, que foi vice na primeira final open do estadual, a qual contou com dois surfistas júniores, Jobson Santos, de Baia da Traíção, e Raphael Seixas, de João Pessoa, terceiro e quarto colocados, na disputa da Júnior, que envolve menores de dezoito anos, Jobson e Raphael inverteram suas colocações e mostram regularidade chegando em duas importantes finais.
O campeão Júnior estadual do ano passado, Erbeliel Andrade, de Baia da Traição, vice na abertura do estadual, corre atrás de sair do prejuízo provocado pela vitória do potiguar John Max, que venceu também entre surfistas mirins, os quais entraram o ano com menos de dezesseis anos, nesta o vice de Max foi o também potiguar Caio Cezar, com a revelação estadual Ramon do Valle, representando bem a Paraíba com terceiro lugar.
Na iniciante quem vai defender a liderança, e o título estadual, será Brainer de Castro, de João Pessoa, mas seu maior rival na etapa anterior, Júnior de Maronilton, irmão de Diana Cristina, a Tininha, ambos de Baia da Traição, virá estimulado pela prancha nova que fez e promete tentar a díficil vitória, sendo esta a divisão que mais deve apresentar novos nomes na segunda etapa Mix FM +surf, Smolder Classic em Intermares.
Diana Cristina também participa da open feminina do Smolder Classic em Intermares, buscando retomar ao final do ano o título que ano passado ficou com a também paraibana Janaína Cléa, Tininha também busca na etapa de Intermares superar o vice título da abertura do Paraibano Mix FM +surf, na qual a vitória foi da atual bicampeã brasileira Open Krisna de Souza, do Rio Grande do Norte, o duelo entre elas agora será entre campeãs brasileiras de divisões e anos diferentes, pois Krisna ainda é a atual campeã nacional open, cuja campeã 2OO5 será conhecida na etapa final em Agosto, enquanto a paraibana Tininha se sagrou recentemente, por antecipação, campeã brasileira júnior do ano em curso, feito alcançado com vitória em Ilhéus, Bahia,ocorrida na semana seguinte a etapa inaugural do Paraibano Mix FM +surf no litoral sul, válido como Estadual 2005, ao qual pretende prestigiar sempre que for possível conciliar com seu calendário nacional, sendo a segunda etapa, o Smolder Classic em Intermares, de oito a dez de julho, uma das que contarão com sua aguardada presença.

Fonte: InjectBrasil
Por: Chico Padilha
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS