Outras Notícias

Veja os Comentários


23/06/2006-10:13:05
Brasileiro Amador
 

Entre os próximos dias 30 de junho e 2 de julho, a praia de Stella Maris, em Salvador (BA), recebe a terceira etapa do Maresia Brasileiro de Surf 2006. A prova conta com as categorias Open (aberta), Júnior (até 18 anos), Mirim (até 16), Iniciante (até 14), Feminino Open e Feminino Júnior, além da tradicional disputa entre equipes.

Campeã da primeira etapa e vice na segunda, a delegação baiana conta com o apoio da torcida para manter a liderança do circuito. Em 17 anos de circuito, nenhuma equipe do Nordeste faturou o cobiçado título brasileiro. “Os atletas estão bastante unidos e determinados. Nossa equipe vai surfar em casa e precisa aproveitar todos os aspectos favoráveis para vencer mais uma etapa e ficar perto do título”, fala Gabriel Macedo, técnico do time baiano.

Os campeões do Maresia Brasileiro de Surf 2006 nas categorias Open e Júnior marcam presença na equipe brasileira que disputa o ISA World Surfing Games (Jogos Mundiais do Surf), entre 14 e 22 de outubro, nas ondas de Huntington Beach, Califórnia (EUA).

Na categoria Open, o cearense Charlie Brown defende a liderança do circuito. “Estou bastante concentrado para tentar um bom resultado na Bahia e manter a primeira posição no ranking”, revela Charlie, 17, atualmente residindo no Guarujá (SP).

A Júnior tem como líder o baiano Rudá Carvalho, 18, de Olivença. Considerado um dos melhores surfistas da nova geração brasileira, Rudá pode ser o primeiro baiano a entrar na galeria de campeões do Maresia Brasileiro de Surf. “Espero que o campeonato tenha ótimas ondas e seja prestigiado por muitas pessoas. Vai ser muito bom se a galera encher a praia e torcer pelos baianos”, convoca Rudá.

Outro que busca seu primeiro título nacional é o paulista Miguel Pupo, de São Sebastião. Miguel é filho do surfista profissional Wagner Pupo e está na frente na categoria Mirim. Na Iniciante, a liderança pertence ao paulista Nathan Brandi, do Guarujá. Entre as meninas, destaque para a paraibana Diana Cristina, líder nas categorias Feminino Open e Feminino Júnior.

O Maresia Brasileiro de Surf 2006 tem o patrocínio da Maresia Boardtech pelo terceiro ano consecutivo. A terceira etapa conta com o apoio da VI Fiberglass Foam, Surfing Series, High Performance e Federação Baiana de Surf (FBS). A realização é da Confederação Brasileira de Surf (CBS), com supervisão do Ministério do Esporte e Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Divulgação: Waves.Terra e Revista Fluir.

Ranking do Maresia Brasileiro de Surf 2006

Open

1 Charlie Brown (CE) 1187
2 Alandreson Martins (BA) 1086
3 Alex Lima (SC) 1011
4 Wiggolly Dantas (SP) 1000

Júnior

1 Rudá Carvalho (BA) 1287
2 Jadson André (RN) 1282
3 Alejo Muniz (SC) 1092
4 John Max (RN) 1062

Mirim

1 Miguel Pupo (SP) 1431
2 John Max (RN) 1385
3 André Pastori (RJ) 1341
4 Nathan Brandi (SP) 1287

Iniciante

1 Nathan Brandi (SP) 1729
2 Peterson Crisanto (PR) 1531
3 Saulo Marques (BA) 1330
4 Cauê Wood (SC) 1312

Feminino Open

1 Diana Cristina (PB) 2000
2 Bruna Schimitz (PR) 1629
3 Nathalie Martins (PR) 1620
4 Adine Pereira (SP) 1312
4 Gabriela Leite (SC) 1312

Feminino Júnior

1 Diana Cristina (PB) 1556
2 Chantalla Furlanetto (SC) 1330
3 Susã Leal (SC) 1282
4 Gabriela Leite (SC) 1260

Equipes

1 Bahia 1900
2 São Paulo 1729
3 Rio Grande do Norte 1539
4 Santa Catarina 1466


fonte: CBS
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS