Outras Notícias

Veja os Comentários


06/09/2003-10:20:12
WCT
 


Quatro australianos já estão escalados nas duas primeiras baterias das oitavas-de-final do Boost Mobile Pro nos EUA. Mick Fanning venceu a última disputa da sexta-feira, ampliando para 19,13 pontos o recorde que era do brasileiro Guilherme Herdy (RJ), que havia totalizado 18,93 pontos na vitória sobre Flávio Padaratz (SC) na repescagem. O pernambucano Paulo Moura ganhou do potiguar Danilo Costa o primeiro confronto verde-amarelo na Califórnia e mais um vai ocorrer na terceira fase, pois Neco Padaratz (SC) e Peterson Rosa (PR) foram escalados juntos na 14a. bateria. Além deles, Paulo Moura (PE), Victor Ribas (RJ) e Armando Daltro (BA), são os outros brasileiros que continuam na disputa do título da sétima etapa do ASP World Championship Tour (WCT). O paraibano Fábio Gouveia (foto) e Guilherme Herdy foram eliminados nas primeiras baterias da terceira rodada, que fecharam mais um dia de boas ondas de 1,5 metro de altura em Lower Trestles.



O experiente Fábio Gouveia foi o primeiro brasileiro a competir na sexta-feira e aplicou a terceira derrota seguida em um norte-americano, despachando Damien Hobgood por 16,83 x 14,84 pontos. Também na casa dos 16 pontos, Paulo Moura ganhou de Danilo Costa a primeira disputa 100% brasileira na Califórnia e Peterson Rosa eliminou o australiano Darren O-Rafferty na 14a. bateria da repescagem.
NOVOS RECORDES - O Brasil continuava na água, as ondas iam melhorando e Guilherme Herdy deu um show no confronto verde-amarelo contra Flávio Padaratz, que ficou na faixa dos 16 pontos que garantiu as três vitórias brasileiras anteriores. Mas com notas 9,60 e 9,33, Herdy estabeleceu um novo recorde de 18,93 pontos. Suas marcas só foram superadas na última bateria da sexta-feira, quando Mick Fanning tirou uma nota 9,63 e totalizou 19,13 pontos de 20 possíveis.

ÚLTIMA VITÓRIA E PRIMEIRAS DERROTAS - O baiano Armando Daltro fechou a repescagem com mais uma vitória brasileira e só precisou de 15,00 pontos para superar o australiano Luke Hitchings. Devido às boas condições das ondas, com algumas séries atingindo os 2 metros de altura, os organizadores do Boost Mobile Pro decidiram iniciar a terceira fase e Fábio Gouveia competiu na primeira bateria, mas acabou derrotado pelo australiano Taj Burrow por 16,87 x 14,17 pontos. Guilherme Herdy disputou a terceira e não achou as mesmas ondas que lhe deram o recorde do campeonato. As melhores foram surfadas pelo australiano Jake Paterson, que marcou 17,20 pontos contra 13,90 pontos de Herdy, que terminou empatado com Gouveia em 17o. lugar na prova, com cada um recebendo 4.000 dólares e 480 pontos no ranking do WCT.

MAIS CINCO TENTATIVAS - O próximo a tentar a primeira classificação brasileira para as oitavas-de-final é o cabo-friense Victor Ribas, que vai competir na segunda bateria do sábado com o ex-campeão mundial Mark Occhilupo. Na disputa seguinte, Paulo Moura enfrenta mais um australiano, Michael Campbell. Depois tem o terceiro confronto verde-amarelo em Trestles neste ano, desta vez entre Neco Padaratz e Peterson Rosa, com Armando Daltro novamente fechando a rodada agora contra o californiano Taylor Knox, dono da melhor apresentação da primeira fase.

NO CAMINHO DOS LÍDERES - São cinco surfistas ainda buscando a primeira vitória brasileira no WCT 2003, mas os líderes do ranking podem ser seus adversários já nas oitavas-de-final. O número 1 Andy Irons (HAV) terá uma disputa histórica contra o seu irmão Bruce e se ganhar pegará o vencedor do confronto entre Paulo Moura e Michael Campbell. E quem passar entre Neco e Peterson, deve cruzar com o hexacampeão mundial Kelly Slater (EUA), que vem de uma vitória na África do Sul e é franco favorito contra o novato australiano Luke Stedman.

---------------BATERIAS DOS BRASILEIROS NA REPESCAGEM---------------
06)- Fábio Gouveia (PB) 16,83 x 14,84 Damien Hobgood (EUA)
11)- Paulo Moura (PE) 16,33 x 13,27 Danilo Costa (RN)
14)- Peterson Rosa (PR) 16,33 x 13,23 Darren O-Rafferty (AUS)
15)- Guilherme Herdy (RJ) 18,93 x 16,17 Flávio Padaratz (SC)
16)- Armando Daltro (BA) 15,00 x 13,27 Luke Hitchings (AUS)

------TERCEIRA FASE (vale vaga para as oitavas-de-final-----
01)- Taj Burrow (AUS) - 16,87 x 14,17 - Fábio Gouveia (PB)
02)- Nathan Hedge (AUS) - 14,97 x 14,66 - Kalani Robb (HAV)
03)- Jake Paterson (AUS) - 17,20 x 13,90 - Guilherme Herdy (RJ)
04)- Mick Fanning (AUS) - 19,13 x 13,74 - Toby Martin (AUS)
05)- Michael Lowe (AUS) x Lee Winkler (AUS)
06)- Mark Occhilupo (AUS) x Victor Ribas (RJ)
07)- Paulo Moura (PE) x Michael Campbell (AUS)
08)- Andy Irons (HAV) x Bruce Irons (HAV)
09)- Joel Parkinson (AUS) x Shane Beschen (EUA)
10)- Pat O-Connell (EUA) x Trent Munro (AUS)
11)- Dean Morrison (AUS) x Chris Davidson (AUS)
12)- Shea Lopez (EUA) x Richard Lovett (AUS)
13)- Kelly Slater (EUA) x Luke Stedman (AUS)
14)- Neco Padaratz (SC) x Peterson Rosa (PR)
15)- Luke Egan (AUS) x Shane Dorian (HAV)
16)- Taylor Knox (EUA) x Armando Daltro (BA)
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS