Outras Notícias

Veja os Comentários


19/12/2007-07:02:52
Festival Petrobrás
 

Por Maria Clara (RJ)


O Festival Petrobras encerra o ano do Surf numa gincana , com os melhores do Brasil, num sistema por equipes. Uma brincadeira muito séria, porque todos querem vencer e conquistar o prêmio maior. Mas todos são vencedores ! Ao misturar nas equipes atletas de todo o país, o Festival mostra que o Surf deve ser encarado como um esporte nacional, sem regionalismos. E que unidos, os atletas vão fazer o esporte cada vez mais forte.

E o Festival conseguiu mais uma vez, nas areias da Barra da Tijuca, mostrar isso.

O exemplo de cada um é o exemplo de todos!

E assim, neste clima correu o Festival... Areia cheia, público vibrando e.... de repente, no intervalo das baterias, a tetracampeã Andréa Lopes pega a minha bola de futevolley, arma um “altinho” para aquecer comigo, e convida a Tininha e a Isabela Lima para jogar e... muitos assobios na areia.



Surpresa: a Tininha manda bem! Animado entra o Simão Romão na roda... e o canal Sportv filmando aquela brincadeira. Pronto, não existem diferenças. É a democracia na areia, onde todos... são apenas brasileiros! De repente o locutor chama para recomeçar a festa.

Nas quartas de final, a disputa foi onda a onda. Em equipes diferentes , Krisna Souza (Roncador) e Tininha (Pargo), deram o seu melhor, não há dúvida, mas suas equipes não conseguiram passar para a Semi-final no Domingo.

O sábado foi de Andréa Lopes, que em duas ondas e manobras radicais levou a sua equipe da sexta colocação para a 2a. e calou a areia. Seu parceiro, Pablo Paulino, também colaborou bastante para isso.
O Domingo começa com as quatro equipes classificadas : Marlin- Flávio Costa, Michele Des Bouillon e Eduardo Bagé; Anchova – Pablo Paulino, Andréa Lopes e Danilo “Mullinha” Rodrigo; Cora- Igor Moura, Gabriela Teixeira e Rodrigo Sphainer, e, garoupa- Simão Romão, Suelen Ferreira e Phil Rajzman, disputando em siatema cruzado. Marlin x Garoupa e Enchova x Coral. As ondas estavam maiores, o que equilibrou as baterias. Apesar do esforço, a equipe Coral foi a primeira a se classificar para a final, que parecia prenunciar que o dia seria dos longboarders. Na outra semifinal, a equipe Garoupa, liderada por Phil Rajzman, venceu o duelo com a Marlin de Bagé.

Na disputa pelo 3o. lugar, venceu a equipe de Andréa Lopes, Pablo Paulino e Danilo Mullinha, onde os três conseguiram belos aéreos e aplausos da galera. E para fechar o dia, na grande final, confirmou-se o dia dos longboarders.

Venceu a equipe Garoupa, com uma grande performance de Phil Rajzman, fechando um ano de ouro, campeão mundial, e que conseguiu vencer todas as competições que participou em 2007. Com um estilo arrojado que une manobras do pranchão, da pranchinha e do skate, fez a diferença. E mais, elogiando a competição, ressaltou: “esse lado da união e da confraternização é muito bom, a cara do Surf”.

Maria Clara - RJ
 

--> Inclua seu comentário <--


 


COMENTÁRIOS